quarta-feira, 1 de junho de 2011

While My Guitar Genlty Weeps



Sua voz falha ao passar muito tempo sem mim.
Grita e geme com a pressão e os deslizes dos meus dedos.
Uma história de amor sem fim.
Sonha e vibra expressando meus desejos.

Pede para ser carregada nos braços.
Apertada no meu peito, colada em meu coração.
Sofrendo carinhos em meus laços.
Só para sentir todo o poder dessa paixão.

Percorro seu braço, sentido cada toque.
Seu corpo sempre colado ao meu.
Seus cabelos grisalhos com "tom de não me troque."
Sua vida dvidida por trastes, como quem sofreu.

Pode ser que você não concorde.
Podes dizer que é um animal sem garra.
Mas quem não se apaixona por um acorde...
Da melodia de uma guitarra?

(Pablo Fonseca)

8 comentários:

  1. Vanessa Nóbrega2 de junho de 2011 11:23

    Meninoo, ficou mto sexy esse poema!
    Tá escrevendo cada dia melhor, pablitoo.
    Saudades de vc, bjo.

    ResponderExcluir
  2. hahaha.. muito bom esse poema!

    fiquei com mais ciúmes da guitarra do meu namorado agora..

    Parabéns! lindo texto!

    ResponderExcluir
  3. Obrigado Kass xD

    Coitado do seu namorado! hueahueauheauhae

    ResponderExcluir
  4. HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAH
    ADOREEEEI!!! XD

    vc devia ter colocado a foto em baixo, bem longe do texto, pra revelação da guitarra surpreender mais x]

    Sensualizou demais, adoro =*

    ResponderExcluir
  5. É verdade, mas o título entrega uheauhaehueauheauhea

    ;*

    ResponderExcluir